Gestão de Pessoas

Como preparar os seus colaboradores para a transformação digital?

Escrito por Macro Plataforma

A transformação digital vem acontecendo em todas as esferas da nossa sociedade. Hoje, os processos no mercado de trabalho estão cada vez mais tecnológicos e nossas interações sociais acontecem por meio de aplicativos de troca de mensagens, fotos e informações.

Empresas que resistem a essas adequações podem ficar em desvantagem em relação à concorrência, pois clientes e colaboradores estão em busca de relações cada vez mais simples e menos burocráticas.

Preparamos este artigo para explicar do que se trata essa inovação tecnológica, qual a sua importância e o seu impacto dentro do setor de RH. Ao final do artigo, você vai conferir três dicas para implementar essas mudanças com segurança. Acompanhe!

O que é a transformação digital

A transformação digital em uma empresa pode ser definida como a inclusão de novas tecnologias em todos os segmentos. Contudo, não se trata apenas do uso de computadores e softwares que facilitam a rotina de trabalho, agilizando os processos.

É mais que isso: ela assume um importante papel na promoção de uma mudança na estrutura das organizações, fazendo com que os colaboradores sejam envolvidos em uma forma de trabalho verdadeiramente colaborativa.

A verdade é que incorporar a tecnologia nos processos internos melhora o desempenho, aumenta o alcance de mercado da marca e eleva os seus resultados. A adaptação técnica leva a uma mudança também de pensamento, uma vez que a era digital é capaz de melhorar a experiência de colaboradores, clientes, fornecedores e parceiros de negócios.

A importância da empresa se adaptar às mudanças digitais

Que o mundo anda cada vez mais tecnológico não é novidade para ninguém. Quando se trata do universo corporativo, colaboradores, gestores e clientes estão conectados em suas vidas pessoais.

Da mesma maneira que a empresa que não atualiza seus canais de comunicação em marketing fica para trás em relação à concorrência, o RH também perde em otimização de tempo e retenção de talentos quando se nega a atualizar seus processos com a ajuda da tecnologia.

A importância da empresa se adaptar às mudanças digitais está em assegurar que todas as suas operações estejam em conformidade com o mercado. Isso garante que sua atuação seja estratégica e possibilita um bom posicionamento.

Quais são os principais desafios e impactos

A transformação digital é um processo desafiador, pois não se trata exclusivamente da adesão de novas tecnologias, mas de uma mudança na cultura do negócio. Hoje, as demandas empresariais estão cada vez mais inovadoras e dinâmicas, sendo necessário se adequar rapidamente a esse cenário volátil.

A tecnologia torna o fluxo de informações e armazenamento mais rápido — mesmo que o volume desse conteúdo seja extenso —, promovendo agilidade nos processos. Também é possível observar uma mudança no comportamento dos colaboradores, uma vez que a automatização dos métodos de trabalho exige uma atenção redobrada no cumprimento das tarefas.

Quando falamos do setor de recursos humanos, o uso de ferramentas tecnológicas permite que a gestão da informação seja mais precisa. A adoção de indicadores de desempenho torna possível o monitoramento da produtividade dos profissionais, aproveitando o que cada um tem de melhor a oferecer e corrigindo rapidamente as falhas nos demais setores.

Quando o RH consegue perceber com clareza onde se encontram pessoas e líderes que podem ser desenvolvidos, permite que as ações para trabalhar com as equipes sejam realizadas de maneira mais precisa. Com isso, a retenção de talentos acontece e o engajamento faz com que os resultados realmente subam.

Como preparar os colaboradores para as mudanças

Para que a transformação digital funcione como um benefício para a empresa, é necessário que os colaboradores estejam preparados para essas mudanças. Acompanhe agora três dicas para começar a implementar as mudanças com a sua equipe já preparada!

Investir em novas tecnologias

As estratégias de inovação devem compreender a parte estrutural da empresa, com a evolução dos métodos atuais para realizar as operações básicas do setor.

As novas tecnologias para o setor de RH seguem algumas tendências. O armazenamento em nuvem já é um instrumento bastante utilizado, pois permite que todos os documentos sejam devidamente guardados com segurança e organização.

Mesmo as empresas com um grande número de colaboradores têm os seus registros protegidos, já que esse modelo de arquivamento possibilita que um grande volume de informações seja preservado.

O chamado cloud computing possibilita que o RH tenha acesso a esses dados com agilidade, resolvendo as demandas dos colaboradores de maneira quase instantânea. As equipes certamente sentirão os impactos desse investimento, pois receberão respostas rápidas a respeito de questões como férias e pagamento de horas extras.

O uso de um software para realizar o mapeamento completo do perfil comportamental do profissional também já é uma prática comum. Ao implementar esse sistema, a empresa pode alocar cada colaborador em funções mais condizentes com o seu perfil, melhorando o aproveitamento da capacidade produtiva de cada um e diminuindo o absenteísmo e o turnover.

Incentivar a criatividade e a colaboração

A criatividade na resolução de problemas é um importante elemento dentro de uma corporação. A equipe formada, que certamente já tem um grau de conhecimento das atividades desempenhadas, recebe orientações sobre a metodologia mais adequada a ser aplicada no dia a dia. No entanto, o trabalho em conjunto deve ser criativo e colaborativo.

Alguns problemas nas rotinas dos colaboradores chegam inesperadamente. É importante que eles tenham autonomia para resolver algumas questões com agilidade, saibam distinguir até onde podem atuar e não tenham receio de assumir os riscos relativos a sua decisão.

Investir em treinamentos e capacitações

Os benefícios das duas atitudes relatadas acima só podem ser atingidos se as equipes estiverem preparadas para isso. Assim, é necessário que haja investimento em treinamentos e novas capacitações.

Como mencionado no início deste post, as transformações digitais devem ser aplicadas na empresa como um todo. Nesse contexto, é imprescindível que os colaboradores sejam muito bem treinados quanto ao uso das novas tecnologias a serem implementadas.

A capacidade de resolver problemas e tomar decisões também precisa ser estimulada por meio de atividades como palestras e workshops. É preciso que a organização invista no capital humano e forneça a capacitação necessária para que essas pessoas estejam adequadas às políticas da empresa e à forma de atuação desejada.

A transformação digital é uma realidade e as companhias que se mantêm inertes a essas modificações do mercado podem ficar para trás. Não deixe que isso aconteça. Comece a atualização dos processos agora mesmo!

Continue se informando a respeito. Para isso, leia nosso artigo sobre as seis tendências de tecnologia para o RH e como implementá-las. Até breve!

Sobre o autor

Macro Plataforma

Deixar comentário.